Dicas de Viagem

Trem ou avião na Europa?

Para quem elaborou um roteiro para viajar pela Europa, fica sempre uma pergunta: trem ou avião? Escolhemos alguns dos fatores mais comuns na hora de decidir essa questão e falamos um pouco sobre cada um deles. Caso você se lembre de mais algum, não deixe de compartilhar com a gente em nossos comentários! Ao final do post, você pode encontrar uma tabela com o resumo de cada um destes tópicos 🙂

euro-moeda

Preços

A Europa oferece algo maravilhoso que faz encher nossos olhos: os preços das companhias aéreas low cost, que chegam a oferecer trechos por 41 euros, mas é comum achar até por menos. Os voos low cost são promovidos por companhias aéreas de baixo custo que voam por toda a Europa.

Como falamos, os preços enchem os olhos, mas é preciso muita organização e extrema atenção para comprar suas passagens. As taxas de cancelamento e/ou alteração são altas e é relativamente fácil perder dinheiro. Além disso, são muitas pequenas taxas: existe diferença de preço entre pagamentos feitos no débito e no crédito, cobrança para marcar assentos*, taxas por malas etc.

Os valores dos trens costumam ter preços mais altos à primeira vista, mas não é uma regra. Além disso, são mais claros ao turista, principalmente os de primeira viagem.

*você não precisa pagar, mas pode ser que você sente longe da sua companhia de viagem e fica com a poltrona que sobrar.

tudo-sobre-bagagem-veja-os-limites

Bagagem

Nos dois casos (avião ou trem), tente viajar leve, com poucas malas. Como citamos acima, as companhias aéreas low cost cobram por qualquer coisa que ultrapasse uma mala pequena. Se o voo estiver muito cheio, é possível que o compartimento acima dos assentos esteja lotada e seja necessário despachar a bagagem.

O trem é um pouco mais tolerante, mas não se deve abusar. O ideal é levar nada mais que uma mala média para colocar no bagageiro e uma mochila/bolsa para ficar com você.


Leia também: Fugindo do Euro na Europa!


 

Stopwatch in hand.

Tempo

O quesito tempo é relativo.

Nem sempre o avião vai ganhar neste quesito. É claro que a viagem em si (o tempo no ar) será menor do que nos trilhos, mas temos que considerar outros pontos de um voo: tempo de deslocamento até o aeroporto, o tempo de antecedência, fila de check-in, embarque, desembarque e outra vez o tempo de deslocamento até o hotel.

O voo pode, então, ter uma hora de duração, mas você tem que somar aí mais ou menos duas horas com deslocamentos, outra de antecedência e mais uma para qualquer eventualidade. Pronto: já se foram mais ou menos quatro horas do seu dia.

Logo, voos de uma hora ou viagens de trem de quatro horas acabam quase na mesma, sendo apenas uma questão de preferência.

Contudo, se a viagem ultrapassar o exemplo citado acima, considere o avião para não perder tempo, nem ficar no tédio e chegar menos cansado ao seu destino.

O que nos leva para o tópico seguinte:

Mas, Mundi, e o trem noturno?

Mais um ponto que você terá que avaliar bem pensando em seu perfil de personalidade e viagem. Embora os trens sejam bem confortáveis, eles ainda se movimentam, fazem barulho, as pessoas andam, embarcam e desembarcam nas paradas e por aí vai.

Se optar por embarcar em um trem noturno, tente encontrar um horário onde você chegue pela manhã, mas não muito cedão. Assim como na maior parte das cidades do mundo, as lojas e atrações turísticas começam às 09h ou 10h. Chegando muito cedo, você ficará vagando pela cidade esperando o dia começar.

Berlin train main station (Hauptbahnhof)


Distância para Embarque

Geralmente as estações de trem são centrais, ao contrário do que acontece com os aeroportos e mais ao contrário ainda do que acontece com os aeroportos que recebem voos das companhias low cost, que costumam ser mais afastados da cidade.

servico-para-menores-desacompanhados-em-voos

Viajando com crianças

Mais uma vez chegamos ao relativo. Isso vai depender muito da personalidade do seu filho para ver o que ele pode ou não curtir.

Uma viagem curta de trem pode ser uma grande experiência para ele, pois poderá se movimentar por ter mais espaço, além da distração de estar em um veículo diferente.

Porém, muitas horas de viagem pode ser entediante para a criança. Se forem passar a noite, pode ser um pouco estranho. A sugestão aos pais é escolher algo que seja confortável e envolver a criança naquele processo.

Os meios para se fazer isso é, dias antes da viagem, ir animando o filho, explicando como tudo será, mostrar fotos e pontuar as coisas diferentes que ele irá ver. Dessa forma, a criança ficará mais entusiasmada e a viagem mais divertida.

Conforto

Aqui o ponto também vai para os trens. Eles geralmente são confortáveis mesmo na segunda classe. Possuem espaço para andar e, dependendo da distância percorrida na sua viagem, eles também têm lanchonete/bar.

Resumo

voos-trens-tabela

 

 

Deixar um comentário