Dicas de Viagem

Aproveite Buenos Aires por bem pouco!

Viagem boa é viagem que você curte muito e paga pouco, não é? O roteiro de hoje é em Buenos Aires.

buenos aires principal

Nesta última semana teve muita passagem barata para Buenos Aires. Agora que você comprou (comprou, né?), vamos te dar várias dicas de programas de graça ou bem baratinhos para você curtir mais por menos.

Vamos lá?

O primeiro que merece destaque é o Teatro Colón, que tem capacidade para abrigar mais de duas mil pessoas, é dona de uma acústica invejável  e o salão principal lembra uma ferradura. É tão bonito que, mesmo não indo assistir alguma coisa, o passeio já vale a pena.

Para saber mais sobre a programação gratuita, você tem que acessar este endereço  www.teatrocolon.org.ar e achar a opção Ciclo Intérpretes Argentinos.

buenos aires teatro colon

Para quem gosta de história, a boa pedida é a Manzana de las Luces. Lá você encontra os pioneiros de quase tudo, o primeiro museu, a primeira universidade, o primeiro cartório e tal. Outros que valem ser apreciados são a Igreja e o atual Colégio Nacional de Buenos Aires. Na Manzana, toda segunda há sessões gratuitas de cinema com filmes do mundo inteiro às 19h. Outro ponto interessante são os túneis subterrâneos que foram construídos ali. Ninguém sabe porquê o construíram, embora hajam fortes hipóteses. Quem sabe você não deixa seu pitaco e faz diferença na história?

Tem gente não curte esse tipo de turismo, mas um lugar que merece ser visitado é o Cemitério da Recoleta. É lá que está enterrada Evita Perón! O cemitério também guarda várias histórias, como a do empresário que temia ser enterrado vivo e que, por isso, mandou construir um sistema que permitia que o caixão abrisse por dentro e ainda um botão que soava um alarme de emergência.

buenos aires recoleta

Um programa que todos concordam que é muito bom é a Plaza Dorrego, bairro boêmio. Deixe para visitá-lo no domingo pela manhã quando está cheio de visitantes e artistas. E o grande barato é a feira de antiguidades, além dos showzinhos que rolam pela rua. Para tirar fotos e se divertir, vale conhecer também a Casa Mínima, que tem 2,5 metros de frente.

Para não ficar feio na hora de dançar tango, recorra ao Museu Casa Carlos Gardel. Lá tem aulas de graça e quase de graça, saiba mais através do site www.museocasacarlosgardel.buenosaires.gob.ar

E você, conhece mais alguma coisa bem em conta em Buenos Aires? Dê a dica para a gente aí nos comentários!