Curiosidades

08 blocos para conhecer o verdadeiro Carnaval do Rio

blocos-tradicionais-carnaval

Caminhando lado a lado com o grande desfile de Carnaval que vemos pela TV, o Rio é abençoado com o famoso Carnaval de Rua!

Entre os mais de 300 blocos que desfilarão pelas ruas da cidade, são várias as grandes estrelas que fazem parte dessa festa que abrange todo o Rio de Janeiro.

Se sua vontade é conhecer o verdadeiro Carnaval do Rio, aquele de raiz, aquele bloco que você tem que dar pelo menos uma olhada uma vez na vida, você chegou ao post certo!

Além da programação, vamos contar um pouquinho da história de cada um dos oito blocos para que você já chegue com o samba no pé e a tradição na ponta da língua.

1 – Carmelitas

Todo mundo sabe que as freiras costumam ficar no Convento rezando e durante o Carnaval isso não muda em nada. Mas aí vem a história de um morador do bairro de Santa Teresa que jura ter visto uma freira pular o muro do Convento para se juntar aos foliões e aproveitar a festa junto com eles.

Verdade ou não, os foliões resolveram dar uma ajuda para a freira. O bloco passa por Santa Teresa na sexta-feira, o início do Carnaval, e também na terça, quase no fim da festa. Desse modo, a freira pode pular o muro para sair e entrar no convento depois de ter aproveitado o Carnaval sem chamar a atenção!

2 – Cordão da Bola Preta

O Cordão da Bola Preta ou só Bola Preta, é o bloco mais antigo que ainda está marcando presença pelos Carnavais do Rio. Também antigo, é o hábito que tem os homens de admirar as mulheres e fazer homenagens a elas.

Conta a história que o Bloco nasceu quando um dos fundadores viu uma mulher lindíssima passar por ele e deixá-lo pasmo com tamanha beleza. Como a moça estava com um vestido branco estampado com bolas pretas, o nome ficou Bola Preta. Já a parte do Cordão fica por conta dos seguidores que formam, todos os anos, um verdadeiro cordão do bloco.

Com sede própria, mas sem fantasias ou camisetas, os foliões que seguem fielmente o bloco procuram se vestir de branco e preto enquanto acompanham o Bola Preta pelas ruas do centro da cidade.

3 – Bloco dos Barbas

O Barbas, na verdade, era um bar que ficava no bairro de Botafogo. O nome veio por um motivo comum aos sócios do bar: todos tinham barba. Uma curiosidade é que um dos fundadores do Bloco é o filho de Nelson Rodrigues, o Nelsinho.

Embora o bar já tenha fechado faz algum tempo, o bloco não parou suas atividades e continua saindo pelas ruas de Botafogo com um caminhão pipa acompanhando os foliões pelo trajeto.

4 – Banda de Ipanema

A Banda de Ipanema nasceu coladinha nos anos 60. Seus criadores eram intelectuais, primordialmente escritores e artistas, que faziam críticas políticas – mesmo durante o Regime Militar. Ousados, eles apenas fingiam tocar os instrumentos e iam para as ruas vestindo ternos.

A Banda de Ipanema foi criada por Jaguar, Ziraldo, Ferdy Carneiro e Albino Pinheiro, tendo como tesoureiro o garçom Vavá. Entre outros foliões famosos que já fizeram (ou fazem) parte do bloco estão Maria Vasco, Chico Buarque e Leila Diniz.

5 – Cordão do Boitatá

O Cordão do Boitatá resgata o Carnaval de antigamente e agrega várias festas, culturas e expressões populares encontradas Brasil à fora. Os foliões vestem fantasias individuais, sempre esbanjando muita criatividade.

Como repertório, o Cordão do Boitatá conta com marchinhas e canções antigas passando pelas ruas do Centro bem cedo desde os anos 90!

6 – Simpatia é Quase Amor

O Simpatia é Quase Amor atrai muitos e muitos foliões todos os anos pelas ruas de Ipanema, tendo como principal marca a mensagem de paz e tolerância entre as pessoas.

O bloco do Simpatia está presente nos Carnavais de rua do Rio de Janeiro desde 1985 em meio à campanha pelas Diretas Já e, desde então, conta com milhares de seguidores.

7 – Bloco de Segunda

Pelo que vimos até aqui, vários blocos nasceram com algum cenário político em paralelo. O Bloco de Segunda veio para aumentar a lista! Começou quando um grupo de esquerda, moradores de Botafogo e muito frequentadores de Ipanema, estava sem qualquer paciência para a política da época (1987).

Para cutucar a onça, resolveram fazer um desfile de Carnaval em pleno 7 de Setembro, que caiu numa segunda-feira à época e, por isso, ficou o nome “de Segunda”. O sucesso dos foliões junto às músicas divertidas e questionadoras foi tanto, que eles resolveram desfilar no Carnaval seguinte (na segunda-feira de Momo) e assim ficou!

8 – Cardosão de Laranjeiras

O nascimento do Cardosão de Laranjeiras aconteceu com o término de outro bloco, o Canarinho das Laranjeiras. Sem lenço, documento ou bloco, os apaixonados por fazer bloquinhos de rua se uniram para dar vida ao novo bloco.

Embora tradicionais, com quadra própria para ensaios e tendo até um desfile na Sapucaí no currículo, o bloco Cardosão de Laranjeiras ficou parado por quase uma década, retornando em 2006 e mantendo a força desde então!


 

Carmelitas
Onde:
Esquina da Ladeira de Santa Teresa com Rua Dias de Barros, Santa Teresa
Horas:
15h
Data:
24/02/2017

Cordão da Bola Preta (Abertura do Carnaval)
Onde: Rua Primeiro de Março, entre Rua Buenos Aires e Rua do Rosário, Centro
Horas: 9h30
Data: 25/02/2017

Bloco dos Barbas
Onde: Esquina da Rua Arnaldo Quintela com Rua Assis Bueno, Botafogo
Horas: 16h
Data: 25/02/2017

Banda de Ipanema
Onde: Praça General Osório, Ipanema
Horas: 17h30
Data: 25/02/2017

Cordão do Boitatá
Onde: Praça XV, Centro
Horas: 9h
Data: 26/02/2017

Simpatia é Quase Amor
Onde
: Praça General Osório, Ipanema
Horas: 14h
Data: 26/02/2017

Bloco de Segunda
Onde: Rua Marques, atrás da Cobal do Humaitá, Humaitá
Horas: 17h
Data: 27/02/2017

Carmelitas
Onde
: Largo do Curvelo, Santa Tereza
Horas: 10h
Data: 28/02/2017

Cardosão de Laranjeiras
Onde: Rua Cardoso Junior com Rua das Laranjeiras, Laranjeiras
Horas: 14h
Data: 28/02/2017

Banda de Ipanema
Onde: Rua Gomes Carneiro (entre Prudente de Morais e Vieira Souto), Ipanema
Horas: 17h30
Data: 28/02/2017

 

Os horários e locais podem mudar conforme a programação do bloco e/ou da Prefeitura!

Deixar um comentário

Share On Facebook
Share On Twitter
Share On Google Plus
Share On Linkdin
Share On Pinterest